quarta-feira, 2 de junho de 2010

Finalização do Disco (parte II)



Depois da cacetada que foi a primeira noite do Bananada onde acabamos no quarto do Hotel com Cesar e Gustavo (respectivamente guita e baixo da MQN, banda clássica de Goiânia, mais os amigos Babu, baixista da banda Rollin' Chamas, de aniversário no dia e Edimar, grande fera, integrante da Space Monkeys de Goiânia também e mestre na técnica de palco.
Após uma dormida, suficiente apenas pra recarregar 20% da pilha no máximo, seguimos para o Rocklab novamente pra definitivamente fechar a gravação.
Mestre Gustavo mostrou as armas e deixou o disco com a nossa cara, do jeito que tinha que ser. Rinoceronte é uma antes e outra depois da passagem pelo Rocklab.
Tristeza na despedida aos mestres Gustavo Vazquez e Luis Maldonalle e vontade de voltar muitas e muitas vezes. Acima um vídeo de Cláudia Schulz nos momentos finais de gravação. Abraço Rinoceronte!

Um comentário:

Assessoria de Comunicação da NOIZE disse...

Eaí, pessoal!
Tudo certo?

Saiu uma matéria bem bacana falando sobre o Rinocerontes na NOIZE #35! Muito massa o som de vocês! Dá uma olhada: http://bit.ly/noize35

Segue o início do texto:

“_Puro e pesado. É assim que o trio gaúcho Rinoceronte se define. Dona de uma sonoridade que remete tanto ao hard rock setentista quanto ao stoner rock contemporâneo, a banda tem despertado atenção com shows arrasadores e letras que passam ao largo dos clichês do famigerado “rock gaúcho” (...)”


Abraços!
Revista NOIZE
www.noize.com.br